Família

“Ele me escolheu como pai.” Homem assume paternidade de filho de ex-namorada

3 capa Ele me escolheu como pai Homem assume paternidade de filho de ex namorada

Gonzalo conta que a decisão foi de Noah e que os cinco anos em que esteve ao lado da ex-namorada foi tempo suficiente para que ele e o menino criassem fortes laços.



O que é família para você? Cada um possui um conceito diferente do que significa “família” e de como ela se apresenta na vida real. Mesmo que o conceito de um seja diferente do outro, existe sempre um ponto de convergência em relação à tradução do termo: família é algo que carrega e distribui amor.

Antes a constituição de uma unidade familiar só era aceita se tivesse um homem e uma mulher, atualmente, conforme as minorias conquistam seus espaços na sociedade, muitas outras famílias são reconhecidas judicialmente e pelo Estado.

Se antes era proibido o divórcio, hoje vemos cada vez menos pessoas se casando e o número de separações aumentando anualmente, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).


Para o lutador e comentarista de MMA Gonzalo Egas, a família pode ser escolhida pelos interessados. É por isso que hoje, segundo reportagem do jornal LUN, Noah carrega o seu sobrenome e divide seu tempo entre a casa dele e a da mãe, já que ambos compartilham a guarda da criança.

Pode até parecer algo comum, mas a verdade é que Noah é filho de um relacionamento anterior de Wilma González, portanto não é filho biológico de Gonzalo. Os dois mantiveram uma relação por cinco anos, mas mesmo se separando, concordaram que o Noah, a criança, deveria escolher o que era melhor para todos.

3 2 Ele me escolheu como pai Homem assume paternidade de filho de ex namorada

Direitos autorais: reprodução Instagram/@gonzaloegas.

3 3 Ele me escolheu como pai Homem assume paternidade de filho de ex namorada

Direitos autorais: reprodução Instagram/@gonzaloegas.


3 4 Ele me escolheu como pai Homem assume paternidade de filho de ex namorada

Direitos autorais: reprodução Instagram/@gonzaloegas.

Depois de um intenso convívio de cinco anos, Gonzalo e Noah criaram uma relação forte, e Wilma concordou que eles não deveriam rompê-la apenas por conta do término do namoro. Por isso o homem escolheu dar seu sobrenome ao menino, e hoje ele mantém a guarda compartilhada, pegando o filho em semanas alternadas.

Para Gonzalo, ser pai é a coisa mais importante que já lhe aconteceu, e sempre demonstra gratidão eterna por Wilma, que lhe permitiu esse exercício de paternidade. Ele considera a ex extremamente generosa, já que aceitou que a relação de pai e filho se fosse independente do relacionamento amoroso que mantinham.

Mas o pai explica que tampouco foi uma decisão dela, pois atribui tudo a Noah que, segundo ele, o escolheu para oupar essa posição. Muito além da decisão, eles também passaram os cinco anos construindo este relacionamento que foi evoluindo e se tornando cada vez mais forte. O pedido de adotar o sobrenome de Gonzalo foi apenas uma consequência, já que o menino acabou percebendo que podia contar com ele sempre que precisasse.


3 5 Ele me escolheu como pai Homem assume paternidade de filho de ex namorada

Direitos autorais: reprodução Instagram/@gonzaloegas.

Wilma conta que o filho reconhece que quem realmente cuida dele é Gonzalo, tal qual um pai biológico deveria fazer. Ela ainda agradece à figura paterna que ele exerce e ama a relação que eles mantêm, principalmente porque tiveram a chance de escolher um ao outro. A mãe finaliza explicando que toda sua vida precisa ser pensada na relação que pai e filho mantêm, já que o menino não pode conceber ficar sem as duas figuras mais importantes em sua vida.

“Conte comigo.” Elon Musk doa mais de R$ 260 milhões para hospital infantil

Artigo Anterior

Maria Casadevall vai à pré-estreia com namorada e sofre lesbofobia nas redes sociais

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.