Família

Pai em tempo integral de 4 filhos faz relato sincero: “Deus transformou meu coração”

A mãe das crianças decidiu ir embora e ele ressignificou sua vida. Diz que seus filhos se tornaram sua missão!



Normalmente, quando ficamos sabendo de algum caso de separação, a mulher fica com a guarda das crianças e o pai apenas as visita nos finais de semana. Essa configuração de família é bem comum por causa dos moldes em que fomos criados.

O inverso, porém, pode acontecer e acabar se tornando extraordinário, embora temos que considerar que responsabilidade de pai e mãe deveria ser a mesma. Mas não é usual ver um homem ficando com os filhos e a mulher seguindo outro rumo.

O protagonista dessa história se chama Seth Megow e fez seu relato ao Love What Matters, sobre como sua vida foi completamente transformada ao ser um pai em tempo integral. Ele tem a guarda dos quatro filhos, frutos de seu primeiro casamento.


Ele inicia contando que logo que as pessoas o veem com seus filhos, o instinto inicial é de que a mãe está viajando ou precisou de um tempinho fora, enquanto o pai leva os filhos para passear. Toda vez que Seth sai com suas quatro crianças, escuta elogios de como ele é um bom marido por dar à mãe um tempo livre.

Direitos autorais: reprodução Instagram/@sethmegow.

Ele apenas ri e continua seu caminho, pois explicar que é um pai solteiro, com quatro filhos, traz muitas perguntas que não tem tempo de responder, relatou. Seth diz ainda que a maioria das pessoas não enxerga sua família como típica, por isso ele quis relatar sua experiência e assim mostrar que um pai é plenamente capaz de fazer o que muitas mulheres fazem.


Não é mérito nem precisa de elogios. Ele quer passar a mensagem de esperança, principalmente para pais solteiros ou aqueles que estão se divorciando. Afirmou que, quando se casou, tinha apenas 19 anos, mas não foi uma celebração forçada. Tanto ele quanto sua ex-esposa queriam que a relação evoluísse para um matrimônio.

Em 2008, nasceu a primeira filha. Ali a mudança já estava acontecendo. Seth relata que demorou um pouco para aprender o papel de pai, mas foi adquirindo conhecimento com a experiência. Continuaram a aumentar a família, até 2012, quando o último bebê do casal nasceu.

Com a mudança drástica de vida, o pai passou a trabalhar muito mais para sustentar a família, enquanto a mãe trabalhava meio período para conciliar os cuidados com suas crianças. Tudo foi se tornando diferente com quatro crianças pequenas. O relacionamento do casal já não era o mesmo, embora ele garanta que ainda sentissem amor um pelo outro.


Direitos autorais: reprodução Instagram/@sethmegow.

Em 2013, sua ex-esposa começou a perder o fôlego e queria ter uma vida social longe das crianças. Seth diz que a apoiou totalmente por saber na pele o quanto era cansativo cuidar de quatro filhos com diferença de idade de um ano, aproximadamente. Ela começou a sair nos fins de semana e o marido percebeu que isso a revigorava para iniciar a rotina de novo.

Mas o casamento não aguentou por muito tempo. A diversão com os amigos passou a se estender para dias da semana e o tempo que tinham juntos já não existia da mesma forma.


Seth foi ficando cada vez mais com as crianças e isso levou a sérias discussões, pois segundo sua experiência, não era dessa forma que via que um casamento funcionava. Ao ver que sua esposa se afastava lentamente, percebeu que algo não entrava mais no eixo e ela sugeriu a separação.

Olhando para trás, o pai percebe que ambos cometeram erros que levaram ao divórcio, mas antes de ele ser firmado, a situação piorou consideravelmente, até que certo dia a mãe das crianças se mudou. Sua vida virou uma bagunça total, pois os filhos passaram a constantemente sentir a falta da mãe, a ponto de dormir perto da porta, esperando-a voltar.

Seth afirma que ver seus filhos tão vulneráveis foi uma das piores sensações que experimentou. Os primeiros meses de um pai solteiro, em tempo integral, foram muito difíceis, mas seus filhos precisavam que ele fosse forte e lhes desse amor, empatia, ensinasse valores e proporcionasse alegrias.


Direitos autorais: reprodução Instagram/@sethmegow.

 

Contou que não tinha muita ideia do que fazer, mas foi vivendo um dia de cada vez. Como não tinha familiares próximos, elaborou um jeito de lidar com a situação.


Pinturas feitas pelas crianças eram penduradas na parede, atividades divertidas eram planejadas pelo pai, que tentou ensinar-lhes a expressar-se de forma livre. Foi nesse momento que Seth sentiu o poder de Deus mudando seu coração.

A depressão tomou conta dele na reta final de seu relacionamento, mas ao ver que foi capaz de se reconstruir pelos seus filhos, tudo lhe fez novo sentido. Antes as crianças estavam tristes e cabisbaixas, hoje voltaram a sorrir e se mostraram animadas com o que seu pai tinha para lhes oferecer.

Direitos autorais: reprodução Instagram/@sethmegow.


Seth conclui que, depois de uns anos, conseguiu se tornar confiante novamente e orgulhoso do homem que estava sendo para sua família. Aprendeu, junto com seus filhos, que cada um tem seu valor e as dificuldades são superadas mais rapidamente quando se tem união.

Entendeu que o propósito de seu casamento foi justamente superar qualquer obstáculo pelas crianças, pois o que conseguiu em retribuição foi o verdadeiro amor delas pelo pai!


“Meu milagre chegou.” Mãe realizará sonho de segurar sua filha depois de perder 2 bebês

Artigo Anterior

Mesmo que a cruz esteja pesada, Deus faz fortes os ombros de uma mãe!

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.