Que o Imaculado Coração de Maria restaure sua fé e o proteja de todo mal. Amém!

Que a paz do Senhor guie nossos passos e faça morada em nossos corações 1

Mesmo ferido por todas as nossas ofensas, o Imaculado Coração de Maria é fonte de fé, amor e compaixão por todos aqueles que buscam o seu auxílio.



O Imaculado Coração de Maria é a representação do amor presente no coração de todas as mães. Esse amor é infinito, atencioso e jamais deixa desamparado um filho que busca o seu auxílio nos momentos de tristeza, infelicidade ou solidão.

Ser devoto a Maria, por si só, é um ato de coragem. Nossa mãe é fonte eterna de inspiração, pois deu à luz Cristo.

Ela cuidou de Jesus, nosso eterno Salvador e exemplo de garra, compaixão e fé. Recorrer ao Imaculado Coração de Maria é como buscar o colo da maior mãe de todas e, sob o manto de Maria, estamos protegidos contra qualquer maldade, provação ou sofrimento.


Ela nos aconselha quando estamos com dúvida sobre quais caminhos seguir, quais atitudes tomar e em quem confiar. O Coração de Maria é fonte inesgotável da força que nos faz lutar por nossos sonhos, derrotar nossos inimigos e superar qualquer obstáculo de cabeça erguida.

Os filhos de Maria jamais estão sós, pois ela está ao seu lado, abrindo-lhes caminhos e fazendo-os dignos das graças do Pai e do Filho e do Espírito Santo.

Origem

A devoção ao Imaculado Coração de Maria remonta às aparições da Santíssima Virgem Maria, em Fátima (Portugal), aos pastorinhos Lúcia, Francisco e Jacinta. Nossa Senhora se mostrou com um coração na mão, cercado de espinhos, representando todas as vezes que o seu coração é ofendido pelos pecados e ofensas da humanidade.


Maria concedeu às três crianças a visão do inferno, dos demônios e das almas dos condenados, ressaltando que aquele é o fim das pessoas que não se devotam às palavras de Deus e ao seu Sagrado Coração.

Sete anos mais tarde, no dia 10 de dezembro de 1925, em Pontevedra, na Espanha, a Santíssima Virgem revelou a Lúcia a devoção dos cinco primeiros sábados, como forma de reparar os cinco tipos de ofensas e blasfêmias contra o Imaculado Coração de Maria. São elas:

1. Contra a Imaculada Conceição.

2. Contra a sua virgindade.


3. Contra a maternidade divina, recusando, ao mesmo tempo, recebê-la como mãe dos homens.

4. Os que procuram publicamente infundir, no coração das crianças, a indiferença, o desprezo e até o ódio para com essa imaculada mãe.

5. Os que a ultrajam diretamente nas suas sagradas imagens.

Para praticar perfeitamente essa devoção, durante cinco primeiros sábados de meses seguidos, devemos realizar quatro atos de piedade para reparar os nossos pecados e os de toda a humanidade contra o Coração Imaculado de Maria:


1. Confissão: devemos confessar nossos pecados, preferencialmente no primeiro sábado.

2. Rezar o terço.

3. Meditar por 15 minutos os mistérios do Rosário.

4. Comungar eucaristicamente, quando também se deve rezar seis vezes a oração do anjo, – três antes e três após receber a comunhão:


Santíssima Trindade, Pai e Filho e Espírito Santo, eu Vos adoro profundamente e Vos ofereço o preciosíssimo Corpo, Sangue Alma e Divindade de Jesus Cristo, presente em todos os sacrários da Terra, em reparação dos ultrajes, sacrilégios e indiferenças com que Ele mesmo é ofendido, e pelos méritos infinitos de Seu Sacratíssimo Coração e do Imaculado Coração de Maria, peço-Vos a conversão dos pobres pecadores.

Que juntos, em uma só fé, possamos reparar os nossos pecados e nos aproximar, cada vez mais, do amor de Maria.

Reforce as suas intenções através da Consagração ao Imaculado Coração de Maria, rezando:.

Ó Santa Mãe de Deus, gloriosa Rainha do Céu e da Terra, escolho-te hoje para minha mãe e minha advogada no trono do teu Divino Filho. Aceita a oferta que faço aqui do meu coração; seja irrevogável. Nunca poderei estar fora de perigo, se estiver somente à minha disposição. E nunca mais seguro do que em tuas mãos.


O coro dos anjos, testemunhas da minha oblação, conduzam-me no dia do juízo, e ao lado de Jesus e Maria, defendam-me, se o inimigo da minha salvação me reivindicar. Obtenham para mim, no presente, o dom de um verdadeiro arrependimento e a graça de que mais tarde necessito para a obtenção da vida eterna. Amém.

Que Maria continue ao seu lado, protegendo e abençoando-o!

 

Texto escrito com exclusividade para o site O Amor. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.


Jovem emociona internautas com declaração de amor para namorado que assumiu seu filho com síndrome de Down

Artigo Anterior

Só Deus pode lhe dar forças para superar qualquer dificuldade. Acredite em Seu amor!

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.