Café diminui incidência de depressão entre mulheres

2min. de leitura

Muito se discute se o café faz bem ou mal à saúde, mas o fato é que essa bebida tão tradicional no cardápio dos brasileiros tem se mostrado uma aliada na luta contra vários problemas. Agora, pesquisadores da Universidade de Havard, nos Estados Unidos, concluíram que o café ajuda a diminuir o risco de depressão em mulheres.



Analisando 50.739 mulheres ao longo de dez anos, o estudo mostrou que aquelas que consumiam dois ou mais copos de café por dia tinham menor risco de desenvolver depressão. Contudo, os resultados mostraram que o café descafeinado não surte o mesmo efeito.

Das participantes, 2.607 mulheres apresentaram quadros depressivos. Os resultados mostraram que o risco diminui à medida que aumentam as doses de café. As mulheres que consumiam de dois a três copos da bebida tinham probabilidade 15% menor de desenvolver esses quadros, enquanto as que consumiam de três a cinco doses tiveram um risco 20% menor. Essa porcentagem é baseada na comparação com aquelas que tomavam um copo ou menos por semana.

Apesar de o estudo ser promissor, os pesquisadores ainda não recomendam o aumento da ingestão de café como forma de prevenir a depressão, pois isso pode acarretar em riscos à saúde, já que a cafeína é estimulante, e pessoas com alteração de humor ou sono poderiam ser prejudicadas.


 

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.