Amar aos 40 anos faz bem para a pele, para o humor. Eu me descobri uma nova mulher!

4min. de leitura

Não se privar de um sentimento tão extraordinário quanto o amor traz mais felicidade para uma mulher nessa fase tão importante de sua vida.  



Para as mulheres, os 40 anos são como um divisor de águas nos mais variados aspectos. Nessa idade, muitas delas já viram os filhos saírem de casa, o trabalho segue lhe rendendo bons frutos e no amor não podia ser diferente. Engana-se quem pensa que esse sentimento perde a intensidade com o passar dos anos, muito pelo contrário, a maturidade só torna o amor ainda mais especial. Agora, nesse ponto de suas vidas, o que não lhes falta é tempo para investir em si mesmas e tudo aquilo que faz bem para o seu corpo, mas principalmente o seu coração.

Aos 40 anos, uma mulher deve estar disposta a se reinventar, a se redescobrir e a dar novo sentido para a sua vida. Ao lado de quem escolheram viver, elas devem buscar expandir os seus horizontes: viajar, conhecer lugares, adotar novos hábitos. Curtir a vida é sempre muito bom mas, se for ao lado de quem a gente ama, é melhor ainda.

Não é só porque já se passaram quatro décadas que essas mulheres incríveis devem deixar de aproveitar a vida junto a quem sempre fez o seu coração bater mais forte.

Caso estejam sozinhas, é importante que elas saibam que ainda é tempo de encontrar a sua alma gêmea. Pode parecer clichê dizer isso, mas é sempre tempo de amar. Não se privar de conhecer novas pessoas e se aventurar por novas paixões, romances é o mesmo que atestar ao Universo que elas ainda estão dispostas a descobrir a infinidade de possibilidades da vida.


Uma mulher não deve virar inimiga do amor só porque chegou aos 40 anos. A idade é apenas um detalhe que nos lembra sobre a passagem do tempo, tempo este que não deve ser visto como algo de ruim para as nossas vidas, mas sim como um lembrete de que o melhor momento para se fazer algo é o agora.

Quando o amor bate à nossa porta, ele deve ser recebido com todo carinho e atenção, seja aos 20, 30 ou 40 anos. Uma mulher não pode se privar de viver algo tão intenso quanto o amor simplesmente pelo medo de ver onde ele vai dar.

Talvez não passe de um namoro ou, quem sabe, vire um novo casamento, o importante é aproveitá-lo.


Aos 40 anos, assim como em todas as fases de nossa vida, o amor tem o poder de cura. Ele traz paz para os nossos corações, mais ânimo para os nossos dias e faz bem até para a pele, afinal não existe nada melhor para a aparência do que ser feliz.

Aos 40 anos, o amor segue lembrando a uma mulher que ela ainda tem muito a viver.

 

Texto escrito com exclusividade para o site O Amor. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.