Notícias

Apresentadora que emocionou mundo com despedida ao descobrir câncer morre aos 40 anos

Foto: Instagram
jornalistacapa

A apresentadora inglesa Deborah James morreu aos 40 anos em decorrência do câncer de intestino, do qual recebeu diagnóstico em 2016.

Seu estado de saúde se tornou mundialmente conhecido depois que ela escreveu uma postagem no Instagram se despedindo, em 9 de maio. James apresentava o podcast You, Me and the Big C, da BBC, que discute a vida de pessoas com câncer.

Sua família anunciou o falecimento nesta terça-feira (28), também no Instagram: “Deborah se foi em paz hoje, cercada de sua família”.

A apresentadora, que deixa dois filhos, foi descrita na postagem como “a mais incrível esposa, filha, irmã e mãe”.

Ela estava recebendo cuidados paliativos na casa dos pais na cidade de Woking, Inglaterra, depois que foi concluído que o tratamento não estava mais surtindo efeito. Seu fígado havia parado de funcionar havia seis meses e os médicos haviam afirmado que novos tratamentos seriam “infrutíferos”.

“Ninguém sabe quanto tempo me resta, mas não sou capaz de andar, durmo a maior parte dos dias, e a maioria das coisas que eu dava como certas são sonhos distantes”, disse ela na postagem de maio.

“Eu sei que buscamos todas as possibilidades. Mas mesmo com todos os tratamentos inovadores contra o câncer no mundo ou mesmo se houver uma nova descoberta mágica, meu corpo simplesmente não consegue mais continuar.”

Deborah lançou o fundo Bowelbabe para promover a medicina personalizada no tratamento para câncer. Em menos de 24 horas, o fundo conseguiu ultrapassar £ 1 milhão, superando em muito a meta inicial de £ 250.000. Hoje, o valor já passou de £ 6,8 milhões.

Sua conta no Instagram superou o 1 milhão de seguidores e, em maio, ela recebeu o título de dama do príncipe William, que a visitou na casa dos pais e prestou homenagem à conscientização em relação ao câncer promovida pela apresentadora.

Deborah era vice-diretora em uma escola e, depois do diagnóstico de câncer, começou a escrever um blog. Logo, ela ganhou uma coluna no site do jornal The Sun e, em 2018, passou a apresentar o podcast da BBC junto a Rachael Bland e Lauren Mahon, também diagnosticadas com câncer. Bland, outra apresentadora, morreu aos 40 anos, seis meses após o lançamento do programa. Mahon segue apresentando o podcast.