Notícias

Criados pela avó costureira, netos tatuam máquina de costura

Foto: Reprodução
vo

A gratidão de três filhos e de três netos pela dedicação da avó se traduziu em um desenho para a vida toda na última semana, em Goiânia (GO). Em homenagem a Maria Aparecida, de 76 anos, que cuidou de cada um deles desde pequenos, os seis fizeram tatuagens de uma máquina de costura, instrumento de trabalho e objeto favorito da idosa.

“Minha avó sempre foi assim, aquela avó coruja. Enquanto os os filhos tinham que sair para trabalhar, ela olhava os netos, sempre costurando ali com a gente”, diz Giovana Silva Araújo.

“A família foi criada muito unida, toda sempre junta, o almoço de família todo domingo junto”. Foi em um desses almoços que surgiu a ideia das tatuagens. A jovem relembra que um de seus primos contou que tinha vontade de tatuar uma máquina de costura, e a proposta foi recebida pelos demais com animação.

“Começaram a perguntar quem topava fazer, aí minha mãe topou, meus tios, e os netos também”. No dia seguinte, entraram em contato com um tatuador e combinaram um horário para botar a ideia em prática. Até mesmo seus primos mais novos, de 8 e 6 anos, quiseram participar da homenagem, e ganharam tatuagens de canetinha.

Giovana relata que o aniversário de Maria Aparecida era em 12 de junho, e eles queriam manter a surpresa até a data: “A gente ficou uma semaninha fugindo. Quando tinha que ir lá, a gente tampava com maquiagem, ia lá, resolvia e voltava. Ainda bem que ela não desconfiou”.

No dia da festa de aniversário da avó, todos se reuniram e mostraram as tatuagens para ela.

Veja o vídeo:

“Ela chorou, ficou toda emocionada. Ela é muito emotiva. Todo mundo ficou bem emocionado. Mas foi lindo. A gente revelou, todo mundo gostou, bateu palma”, diz. “Tem uma cunhada dela que toca sanfona, e tocou parabéns com essa sanfona. Ela ficou toda alegre, ficou até tremendo”, conta Giovana.

0 %