Notícias

Dani Moreno revela doença degenerativa: ‘Dor da morte’

Direitos autorais: reprodução/ Facebook
dani

Sucesso recente em novelas da RecordTV, como “Gênesis” e “Amor Sem Igual”, a atriz Dani Moreno, de 35 anos, revelou que luta há anos contra os efeitos da espondilite anquilosante, uma grave doença autoimune e degenerativa.

Tipo de inflamação que afeta os tecidos conjuntivos, caracterizando-se pela inflamação das articulações da coluna e das grandes articulações, como quadris, ombros e outras regiões. Causa dor intensa em repouso, também conhecida como dor da morte.

“Tenho desprazer em conhecê-la tão intimamente, EA. Você já dava sinais de que estava por aqui desde que eu era muito pequena. Inflamações e infecções diversas e repetidas; dificuldade em me sentir bem com alguns alimentos, especialmente o glúten; cansaço avassalador sem porquê nem pra quê; dores que me travavam o pescoço a ponto de colocar colar cervical aos 7 anos etc. Como saberíamos? Como imaginaríamos que o marcador HLA B27 passaria de vó para mãe e de mãe para filha?”, detalhou, na sequência, no Instagram.

Segundo Dani, o fato de ter sido diagnosticada precocemente foi fundamental para que ela pudesse se antecipar e evitar alguns efeitos da doença a longo prazo.

“Ao menos ganhei tempo. Tenho a chance de prevenir sequelas graves que me limitariam numa idade mais avançada. A dor me acorda e ela só passa ao me exercitar. Eu sempre pedi pra ter um motivo para acordar cedo e me exercitar, mas acho que desejei meio errado”, brincou, bem humorada.

“O próximo passo é tomar as injeções imunossupressoras. Elas custam mais de R$ 10 mil cada. Preciso de duas por mês. E quem vai me salvar? Ele mesmo, o SUS. Já que você tá aqui, EA, te tiro pra dançar conforme a minha música, porque eu não sou do tipo que se deixa dominar por absolutamente nada. Eu te proíbo de achar que me controla”, disse a atriz.

dani 2

Direitos autorais: reprodução/ Instagram

0 %