Notícias

Mãe de Eliza Samúdio diz que vai processar homem que se fantasiou de ‘Goleiro Bruno’ no AM

caa

A mãe da modelo Eliza Samúdio afirmou que vai processar o tatuador que compareceu a uma festa à fantasia em Manaus no último fim de semana caracterizado como o goleiro Bruno, que jogava pelo time carioca quando matou a modelo, em 2010.



O caso viralizou após as redes sociais da casa de shows “Porão do Alemão” publicar a imagem, que mostra o tatuador com um uniforme do flamengo e o nome Bruno, enquanto carregava um saco de lixo preto nas mãos, com o nome de Eliza, em alusão ao caso icônico que chocou o país naquele ano.

“Isso não vai ficar assim. Vou tomar providência quanto a isso. Além da minha dor, existe a dor do meu neto, que é uma criança de 11 anos que não tem voz ainda, que não tem como defender a mãe”, afirmou Sônia ao UOL.

“Ele [o filho de Elisa Samúdio e do ex-goleiro do Flamengo] está em transição para a adolescência. É um momento complicado da vida dele, e as pessoas querem fazer o quê? Querem plantar raiva, ódio nele? Daqui a pouco vão fazer comparação dele com o pai. Eu tento preserver ele dessas coisas, não alimento ódio, nem mágoa do pai. Mas pra quê? Pra surgirem pessoas desse tipo e fazerem o que estão fazendo?”, acrescentou.


mei

Foto: Reprodução | Instagram

Demissão

Após a repercussão da imagem nas redes, a casa de shows apagou a publicação e emitiu pedido de desculpas. Em nota, a casa de eventos – que pertence a um vereador de Manaus – disse que a postagem foi feita por um estagiário de 20 anos, e que publicou a imagem ofensiva por não conhecer o caso. Ele também foi afastado da função.

Já o tatuador foi demitido do estúdio no qual trabalhava, chamado “El Cartel Tatuaria”. “O estúdio não compactua com qualquer forma de incitação à violência contra a mulher. Deixando bem claro que o colaborador foi demitido, não fazendo mais parte do quadro de funcionários”, traz publicação do estúdio. Posteriormente, um dos proprietários do estúdio afirmou que o tatuador era, na realidade, sócio, mas que a parceria foi desfeita após o escândalo.


Thammy Miranda e mulher são batizados em Igreja Evangélica inclusiva

Artigo Anterior

Mulher é abandonada por namorado durante assalto, perde o celular e continua comendo; veja o vídeo

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.