Notícias

Luísa Mell diz que chora ao se ver no espelho: “Lutando para sobreviver ao horror que me fizeram”

luisa mell capa

Luísa Mell fez um longo desabafo nas redes sociais ao falar sobre perdão.



No Instagram, a ativista, que passou por uma lipoaspiração sem seu consentimento e se divorciou de Gilberto Zaborowsky, disse que 2021 é o ano mais triste de sua vida.

“Sempre tive facilidade em perdoar. Até esqueço o que me fizeram. Achava uma qualidade. Mas este ano não. Como perdoar se a dor ainda é viva? Tive o ano mais triste da minha vida. Ainda estou lutando para sobreviver ao horror que me fizeram. Como vou conseguir perdoar se ainda dói tanto? Se ainda choro quando me olho? Destruíram meu amor-próprio porque eles acharam que eu podia ficar melhor”, começou.

“Faz 9 meses que vou em médicos tentando achar uma solução, como vou conseguir perdoar? Eu achava que não ia conseguir. Até que ontem, um anjo me ensinou. Mesmo vítima de uma das maiores atrocidades que eu já presenciei, ela estava ali cheia de amor para todos. Mesmo depois de tudo que passou, ela continuava amorosa. Mesmo toda maldade do mundo não foi capaz de tirar sua bondade e alegria de viver. Também por isso amo tanto os cachorros. Certamente são anjos que estão aqui para nos ensinar e acompanhar”, disse Luísa.


“Perdoar, não é deixar de punir, nem cobrar alguém. Aliás, não é sobre o outro. (…) Por isso nossos sábios nos ensinam que se o homem perdoar a quem o magoou, se mostrar benevolência e generosidade para com o seu semelhante, os céus vão tratá-lo da mesma forma. Aproveito e peço perdão a todos que magoei. E que sejamos todos inscritos no livro da vida”, finalizou.

Mãe pendura filha de 3 anos na varanda do sexto andar como punição por chorar, mas a deixa cair acidentalmente

Artigo Anterior

Mulher revela desespero quando seus três filhos se assumiram “não binários”

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.