Notícias

Rafael Vitti publica selfie com Clara Maria: ”Papai ama ser seu papai’’

Não é de hoje que Clara Maria deixa os seguidores da mãe, Tata Werneck, e do pai, Rafa Vitti, encantados com sua fofura! E, desta vez, não foi diferente: a pequena posou, na última terça-feira (3), com a mãozinha puxando o rosto do papai para perto. A selfie, compartilhada no perfil oficial do ator no Instagram, rendeu pouco mais de 730 mil curtidas.



“Papai ama ser seu papai”, se derreteu o famoso, na legenda da publicação.

Claro que os fãs da família rasgaram elogios no espaço reservado para comentários. “Ai que fofura”, declarou um. “Ela é tão linda”, disse outra.

Confira!


Futura Skatista

Em clima de jogos olímpicos, Tatá Werneck aproveitou para parabenizar os atletas do skate street – que se destacaram no pódio mundial – de uma forma icônica. Através das redes sociais, a apresentadora dividiu uma foto da filha, Clara Maria, grudadinha com seu primeiro skate e brincou sobre uma possível participação da pequena nas próximas disputas.

“Parabéns a galera. 2028 talvez minha deusa esteja lá. E mamãe vai ser daquelas que grita e invade a pista e geral fica puto”, escreveu a comediante na legenda da publicação.


Em pouco tempo, os comentários da imagem ficaram repletos de mensagens carinhosas à herdeira e Tatá e Rafael Vitti. “Minha torcida já é dela”, afirmou a influenciadora Pequena Lo. “Ai, gente! É uma vontade de morder essa garota”, disse Juliana Paes. “Meu Jesus”, completou Juliette Freire, acrescentado emojis de coração.

Vale lembrar que o skatista Kelvin Hoefler entrou para a história ao conquistar a primeira medalha brasileira nas Olimpíadas de Tóquio 2020. O atleta se manteve no topo da disputa durante quase toda a competição e somou 36,15 pontos na final. Ele ficou atrás apenas do japonês Yuto Horigomi, que fez 37,18. O americano Jagger Eaton ficou em terceiro lugar com a nota geral de 35,35.

Jovem de 14 anos que matou pai a tiros em condomínio de Valinhos diz à polícia que agiu em legítima defesa

Artigo Anterior

Jovem de 24, que perdeu trabalhos por morar na favela, hoje é modelo na França: “Potencial eu tenho”

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.