As meninas que crescem sem pai sofrem, mas tornam-se grandes mulheres

4min. de leitura

Todos nós sabemos o quanto é fundamental que as crianças tenham a presença dos pais e das mães em sua criação.



Assim como as mães possuem o seu valor, os pais também são essenciais para o desenvolvimento de certos aspectos das personalidades dos filhos e a sua ausência faz com que eles cresçam com lacunas emocionais que precisarão ser preenchidas em algum momento da vida.

As meninas possuem um vínculo muito forte com os seus pais. Apesar de muitos pensarem que elas devem ser mais apegadas às mães, a verdade é que os pais são responsáveis por ensinar muitas lições relacionadas ao seu comportamento e também ditam o que elas buscarão em um relacionamento romântico no futuro.

Quando uma menina cresce sem a presença do pai, deixa de aprender muitas lições essenciais para sua vida.

Como não cresce com um modelo masculino e não recebe as instruções sobre relacionamentos da pessoa certa, pode adotar dois caminhos: ou acredita que relacionamentos abusivos, repletos de tristeza e solidão são normais ou mantém os seu coração totalmente fechado para o amor, porque não acredita que um relacionamento possa dar certo.


Além disso, essas meninas podem se sentir sozinhas em muitos momentos, porque o vazio deixado pelos pais não pode ser preenchido por qualquer outra pessoa. Elas provavelmente entrarão em relacionamentos na expectativa de receberem todo amor, carinho e atenção que seus pais não lhe deram e provavelmente terão seus corações partidos muitas vezes. Elas duvidarão de seu próprio valor e deixarão de acreditar que um dia poderão ser amadas por alguém.

Essas meninas passarão noites em claro pensando no que fizeram de errado para não receberem o amor que merecem e repensarão todas as suas atitudes no final de cada dia.

Elas viverão momentos muito complicados até aprenderem a conhecer a si mesmas e enxergar o seu valor.

As meninas que crescem sem a presença dos pais podem chorar por um tempo, mas quando aprendem o seu valor, nada mais pode tirar o sorriso dos seus rostos. Elas tiveram que aprender com suas próprias experiências aquilo que merecem ou não e se curar sozinhas de suas feridas. Isso fez com que se tornassem muito fortes e não aceitassem qualquer pessoa ao seu lado.


Essas meninas tornam-se mulheres independentes, seguras de si, que sabem que não precisam de outra pessoa ao lado para viverem bem, porque durante muito tempo de suas vidas estiveram sozinhas.

Elas procuram ajuda para curar seus corações e livres do peso do passado, entregam-se de corpo e alma às novas oportunidades que a vida põe em seus caminhos.

As meninas que crescem sem pai sofrem, mas tornam-se grandes mulheres, pois dominam os seus sentimentos, não permitindo que ninguém mais as faça derramar uma lágrima que não seja de alegria.


Texto escrito com exclusividade para o site O Amor. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.


Direitos autorais da imagem de capa: joyce huis/Unsplash.

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.