publicidade

As mulheres comandam! Pela primeira vez, dupla de pilotas assume voo de um Boeing 737!

Chipo Matimba e Elisabeth Petros firmaram seus nomes na história! A dupla feminina foi a primeira a assumir o comando do voo da companhia Air Zimbabwe.



Mulheres, cada dia que passa, provam que são excepcionais em tudo que se propõem a fazer! Elas são dedicadas e esforçadas ao extremo. A força e garra são combustíveis para o impulso de uma mulher!

Mesmo com as dificuldades, com determinação, elas conseguem chegar ao topo. E isso é incrível. Mulheres são exemplos para a sociedade!

Chipo Matimba tornou-se a primeira mulher a pilotar na Força Aérea do Zimbábue. Sua história é de superação e inspiração.

Em entrevista à Forbes África, ela contou um pouco de sua trajetória. Decidiu se inscrever no programa de cadetes da Força Aérea, quando viu que não havia restrições de gênero.


Direitos autorais: reprodução Instagram/@cap10_cee.

Daí em diante, começou seu treinamento e, em 1996, dois anos depois de entrar no Exército, recebeu seus créditos de voo. E sua dedicação a fez ir longe! Ela conta que passou por uma situação complicada, quando houve falha de motor de um avião enquanto voava com um cadete estagiário. Na ocasião, Chipo precisou realizar um pouso de emergência. O avião ficou danificado, mas saíram com vida. Além de ser inspiração, seu talento provou que realmente escolheu a profissão certa.

Pela primeira vez na história da aviação, o Boeing 737 decolou do Zimbábue com a tripulação comandada por duas mulheres. Junto com Chipo, Elisabeth Petros também estava à frente da aeronave.

O voo, que teve duração de uma hora, foi um sucesso e muito comemorado nas redes sociais. A notícia foi recebida nas mídias, evidenciando que, sim, o mundo é das mulheres! A pilota concluiu que gosta muito de ser vista como uma mulher inspiradora. Ela disse que, na maioria dos casos, quando os passageiros ficam sabendo que estão sob o comando de uma pilota, ao final do voo, fazem questão de cumprimentá-la.


Direitos autorais: reprodução Facebook/Elizabeth Simbi Petros.

Ela finaliza dizendo que se sente muito feliz por ser um exemplo. Quer que as pessoas, principalmente as mulheres, olhem-na e digam que também são capazes! Quando iniciou sua jornada, houve um colega que tentou desmotivá-la. Ele disse que, se fosse para mulheres voarem, os céus seriam rosa.

E hoje Chipo respondeu da melhor forma possível. Confirmou que o céu não é rosa, mas ela o pintará dessa cor toda vez que estiver voando. Que mulher incrível!

A experiência com as duas mulheres comandando a tripulação deu tão certo que a própria companhia aérea garantiu que elas comandarão mais voos juntas!

O que achou dessa história?

Comente e compartilhe-a com seus amigos em suas redes sociais! Sua opinião nos motiva!

Baixe o aplicativo do site O Amor e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Amor. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.