Pessoas inspiradoras

“Deus me deu um presente”: idosa de 78 anos adotou e cuidou de mais de 80 bebês em 34 anos!

Graças a essa senhora, a vida de muitos bebês foi transformada. Saiba mais sobre sua incrível jornada de amor e cuidado!



A adoção é um gesto precioso de amor, empatia e generosidade. As pessoas que abrem suas casas e seus corações para receber bebês, crianças e jovens rejeitados por suas famílias, seja temporária ou permanentemente, são grandes heróis, que merecem todo o carinho e reconhecimento.

Linda Owens é uma das mães adotivas cheias de amor para compartilhar, e tem uma história incrível, que merece ser conhecida. Segundo contado pela CBS SF, a mulher, que atualmente está com 78 anos, já foi mãe adotiva temporariamente de mais de 80 bebês!

A sua história como lar temporário começou há 34 anos. Ela é parceira de um orfanato local e recebe os bebês em sua casa até que sejam encaminhados aos pais adotivos.


Muitos desses bebês foram expostos a drogas ainda no útero, outros apresentam atrasos no desenvolvimento e ainda há aqueles que passam a noite inteira sem dormir. No entanto, isso não a desanima. A aposentada, que cuida das crianças sozinha, chega a receber duas por vez, como “mãe solteira”.

Ela é tão dedicada que compra roupas e acessórios para os bebês com o próprio dinheiro. Embora seja paga por esses cuidados, ela é motivada, acima de tudo, pelo amor. Linda diz que ama cuidar de bebês desde a infância e que “Deus lhe deu um presente”.

Direitos autorais: reprodução CBS News.

Mia Buckner-Preston, diretora da Divisão de Colocação do Departamento de Serviços para Crianças e Família, do Condado de Alameda, responsável por encaminhar as crianças a lares adotivos, disse que a experiência, cuidado e amor oferecidos pela idosa são incomensuráveis.


A pediatra Mika Hiramatsu, que encaminhou muitos bebês para Linda ao longo dos anos, disse que ela sempre foi determinada a oferecer o melhor começo de vida aos pequenos. Um dos bebês que ela cuidou, que hoje já está com 12 anos, ainda a visita frequentemente e compartilha com ela as novidades de sua vida.

Linda, que atualmente está cuidando de uma bebê de pouco mais de dois meses, diz que o momento da despedida pode ser doloroso e que se lembra de todos os que acolheu em sua casa.

Direitos autorais: reprodução CBS News.

Por sua história de muito amor, dedicação e mudanças de vida, ela recebeu um prêmio em sua comunidade. Sua história é realmente especial. A idosa mudou a vida de vários bebês ao oferecer-lhes desde cedo acolhimento e amor verdadeiro! Que ela continue com essa missão única por muito tempo. Compartilhe sua história nas redes sociais!


“Envelhecer com dignidade é um processo lindo”, diz Carolina Ferraz, aos 53 anos

Artigo Anterior

“Filhos vêm com manual, sim. Mas para ler é preciso olhar nos olhos deles” (Daniel Becker)

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.