Pessoas inspiradoras

Motorista sacrifica o próprio carro para parar uma mulher que dirigia inconsciente

CAPA Motorista sacrifica seu proprio carro para parar uma mulher que dirigia inconsciente

Sem pensar duas vezes, ele freou o carro na frente do outro para que ela pudesse parar.



Todo motorista profissional tem, no mínimo, uma história para contar sobre acidentes, situações inesperadas e demais emboscadas que o ofício lhe proporciona.

O holandês Henry Temmermans agora é mais um desses motoristas que vai poder compartilhar nas suas próximas rodas de conversa uma grande aventura que ele mesmo protagonizou.

De forma inacreditável e brilhantemente formidável, ele salvou a vida de uma mulher que dirigia descontroladamente e em alta velocidade por uma movimentada estrada. E o melhor, fez isso sem se importar com as consequências e o grande prejuízo financeiro que sofreria ao sacrificar o próprio e querido carro. Entenda esse fato logo mais abaixo!


O caso aconteceu recentemente, dia 18 de novembro deste ano, na conhecida autoestrada A28, localizada na região de Harderwijk, na província de Guéldria, nos Países Baixos (Holanda).

Henry Temmermans seguia sozinho em seu veículo quando foi surpreendido por um carro desgovernado, chegando a trafegar no acostamento e na grama que beira a estrada.

Apesar do tráfego intenso da rodovia, o veículo em questão estava atravessando todas as faixas de rolagem sem dar sinal algum, correndo o sério e real risco de provocar um acidente que poderia ser inclusive fatal.

2 Motorista sacrifica seu proprio carro para parar uma mulher que dirigia inconsciente

Direitos autorais: Reprodução / RTV Nunspeet


Henry Temmermans notou que o condutor daquele carro estava desacordado e deduziu intuitivamente de que poderia estar sofrendo uma espécie de mal súbito, necessitando portanto de atenção médica emergencial.

Ele não pensou duas vezes e tratou de alcançar aquele carro para que, de alguma forma, pudesse ajudar o motorista em sérios apuros. A melhor solução encontrada por ele foi a de forçar uma parada do automóvel descontrolado. Mas para isso, ele teria de fazer algo que, de certo modo, doeria muito nele: simplesmente sacrificar o seu carro.

Sem tempo para refletir e conseguir conscientemente mensurar as consequências, Henry Temmermans posicionou o seu carro exatamente na frente daquele que estava desgovernado e, imediatamente, pisou firme e seguro nos freios.

O ato resultou em um pequeno acidente de trânsito. Henry Temmermans teve o seu carro levemente danificado na traseira, enquanto o outro teve mais danos na parte frontal.


Parado o veículo desgovernado, ele rapidamente deixou o volante do seu e correu para abrir a porta do outro e assim socorrer o condutor que estava passando mal.

O motorista era uma mulher desacordada, conforme Henry Temmermans percebeu no início de tudo. Ele então acionou o socorro médico e ela foi encaminhada para um hospital da região.

De acordo com o portal de notícias local RTV Nunspeet, a mulher passou por procedimentos cirúrgicos e teve constatada cinco costelas quebradas, porém não se sabe se as lesões foram por conta da batida provocada por Henry Temmermans ou se ela já estava assim ao volante.

As imagens do gesto glorioso de Henry Temmermans foram capturadas por um terceiro veículo, que também acompanhava a situação.


Ele compartilhou o vídeo nas redes sociais e rapidamente ganhou repercussão internacional, com comentários altamente positivos e elogiosos ao gesto do motorista que não mediu esforços para salvar a vida de uma pessoa desconhecida. Em tempos atuais, em que a sociedade parece cada vez mais fechada, atitudes assim merecem e devem ser reconhecidas por sua grandeza.

Henry Temmermans atuou como um autêntico herói, sem precisar estar de máscara, com roupas especiais ou ter superpoderes, como assistimos nos cinemas. É uma autêntica pessoa inspiradora para todos nós!

Mãe que perdeu Enem porque estava amamentando o filho ganha bolsa de estudos

Artigo Anterior

Apenas uma em cada 10 pessoas encontra o erro lógico desta imagem

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.