publicidade

Padre celebra casamento em Libras e emociona noivos. Um lindo gesto de amor!

A história aconteceu em Lajedo, Pernambuco, comovendo os presentes e nos dando um belo exemplo de respeito, acolhimento e inclusão!



Estar diante de histórias inspiradoras traz felicidade e restaura a fé na humanidade. Quando o ser humano se esforça para deixar todos à sua volta bem e acolhidos, comprovamos que o amor verdadeiro está nas simples atitudes.

Incluir todos é um ato de amor ao próximo tão importante, que não pode ser deixado de lado. A inclusão beneficia tanto aqueles que necessitam de cuidados especiais quanto os demais, pois ser receptivo e dar oportunidades é revigorante para o corpo e a alma.

O ato de se dedicar para que outras pessoas possam se sentir felizes é visto como uma gentileza de valor incalculável!

Adrielly Monteiro e Adalberto Ferreira decidiram se casar no dia 10 de janeiro de 2021, quando tiveram uma agradável e linda surpresa: o sacerdote presidiu a celebração na língua brasileira de sinais (Libras).

Direitos autorais: reprodução Instagram/@djeisonz.fotografo.

O casal foi perdendo a audição ainda na infância, por contrair meningite. A cerimônia celebrada em Libras não foi uma ideia do casal, a princípio. O padre Aluizio decidiu presidir a cerimônia dessa forma, e contou ao G1 que aprendeu Libras porque foi evangelizado por um surdo. Disse ainda que esse foi o chamado para cumprir sua missão, o que tem feito com exímio há 14 anos.


Os recém-casados são professores de Libras, e a noiva contou ao G1 que o gesto do padre representou uma oportunidade muito importante e reflexiva sobre todos aprenderem a linguagem de sinais. O casal contratou dois intérpretes para a celebração, mas ao perceber que o sacerdote falou também em Libras simultaneamente, ficou emocionado. Adrielly e Adalberto sentiram-se acolhidos e respeitados, pois a linguagem de sinais é a primeira língua deles e, ao ver essa atitude de cuidado e carinho, ficaram eternamente gratos.

Direitos autorais: reprodução Instagram/@djeisonz.fotografo.

Adrielly ainda pontuou que infelizmente a grande maioria dos religiosos têm muita dificuldade de se comunicar com pessoas surdas, fazendo com que a igreja seja um ambiente não acessível.


O padre Aluizio afirmou que a experiência de presidir a cerimônia de casamento dos dois precisa ser passada adiante, é um grande exemplo a ser seguido e essa prática precisa se tornar comum.

O registro da cerimônia foi feito pelo fotógrafo Djeison Zennon e sua esposa. Eles afirmaram que foi o primeiro casamento em Libras que fotografaram e acrescentaram a necessidade de saber a linguagem de sinais para melhorar a comunicação e captar a genuína emoção de ser incluído na sociedade! Em seu Instagram, o profissional fez questão de expor o quanto foi emocionante fazer parte dessa linda celebração.

Com certeza, esse gesto se propagará e beneficiará muitas pessoas!

E você, o que achou desse texto?

Comente e compartilhe com seus amigos, em suas redes sociais! Vamos espalhar este lindo exemplo!

Baixe o aplicativo do site O Amor e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Amor. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.