Pessoas inspiradoras

Policial foi flagrado dividindo o almoço com sem-teto e emocionou: “Continue com o bom trabalho”

Nas redes sociais, muitas pessoas parabenizaram o oficial, reconhecendo que o serviço dele vai muito além de cumprir sua função do horário estipulado.



A bondade é capaz de contagiar pessoas a quilômetros de distância. Uma música, uma fotografia, uma ligação, enfim, pequenos atos podem mudar o curso da história. Quantas vezes você não sentiu sua vida mudar de direção por algo simples? Um atraso antes de ir para o trabalho e, pronto, esbarrou com o amor da sua vida no caminho, algo tão singelo, que jamais teria acontecido sem uma pequena caprichada do destino.

A bondade humana acompanha esses momentos de transformação e reforço da fé, que nos fazem voltar a acreditar na importância que temos na vida uns dos outros. Precisamos enxergar nosso próximo, estender a mão a quem precisa e adotar a humildade como guia.

Porque, enquanto existirem pessoas vulneráveis, fragilizadas, negligenciadas e invisíveis, não podemos deitar a cabeça em nossos travesseiros à noite em paz. E é exatamente assim que o policial J. Rivers pensa.


Ele foi fotografado por Cassie Lea Barnes, sentado no gramado, almoçando com uma mulher sem teto. Ele comprou uma pizza para cada um (nos Estados Unidos, esse prato tem valor bem acessível) e refrigerante, e se sentou com ela para apreciar a comida e conversar.

Na foto é possível perceber que eles estão conversando. Ela está sorrindo para algo que ele diz, criando conexões que vão além do horário do expediente, ou do seu dever como policial. Cassie achou aquele momento emocionante demais e resolveu fotografá-lo, depois ela o enviou para o marido, Chris Barnes, que não pensou duas vezes e postou a imagem no seu perfil no Facebook.

Direitos autorais: reprodução Facebook/Chris Barnes.

A foto fez sucesso imediato e, em pouco tempo, todos descobriram que aquele homem tão delicado e amoroso se chamava Rivers. Ele conhecia todas as pessoas em situação de rua daquela região, e ficou surpreso quando viu aquela mulher e não a reconheceu.


Outra coisa que chamou muito a atenção do oficial foi a mensagem que ela escreveu na própria camiseta: “Ser desabrigado: o caminho mais rápido para não ser ninguém.” Rivers decidiu parar para conhecê-la, então comprou uma pizza e levou para compartilhar um pouco daquele momento.

A mulher se chama Michelle e tem dois filhos, uma de 13 anos, que está recebendo cuidados da assistência social, e o mais velho, de 24 anos, com o qual ela não tem mais contato. Mas tudo é consequência de uma sucessão de fatores que fazem com que as pessoas mais vulneráveis acabem nas ruas.

Em uma reportagem da CNN, Rivers afirma que ele se pergunta todas as manhãs quem ele pode ajudar naquele dia. Muitos podem achar que ele se comporta mais como um assistente social do que como um agente da ordem, mas ele também não acredita que a prisão seja a resposta para todos os problemas que existem na sociedade. O oficial recebe apoio total do Departamento de Polícia de Goldsboro.


Jennifer Aniston faz terapia para superar cobranças sobre ser mãe. “Estou no meu momento”

Artigo Anterior

Pai leva menina às compras após sua filha praticar bullying com ela por sua forma humilde de se vestir

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.