Pessoas inspiradoras

Professora gasta todas as suas economias para adotar aluno e seu irmão caçula. “A maior bênção da minha vida”

Sem se deixar intimidar pelos custos, esta professora se dedicou a dar um lar aos meninos e mudou a vida deles!



Chelsea Haley, uma professora estadunidense da Georgia, transformou a relação com seu aluno Jerome num poderoso vínculo de mãe e filho.

Segundo contado pelo Good Morning America, a mulher adotou o aluno e seu irmão caçula Jace, pois percebeu que eles precisavam de uma família onde pudessem se desenvolver melhor.

Chelsea conheceu Jerome em 2015, quando lecionava como voluntária em uma escola. A professora, que tinha 24 anos, participava de um programa de ensino de uma instituição que recruta recém-formados para trabalhar em escolas para famílias de baixa renda.


O menino, que na época estava no ensino fundamental, chamou a atenção da professora porque não progredia nos estudos e, além de tudo, foi suspenso da escola. Imaginando que poderia haver algo de muita relevância por trás do comportamento do jovem, e começou a passar mais tempo ao seu lado, assistindo aos seus jogos de futebol, comprando materiais escolares para ele, entre outras coisas.

Direitos autorais: reprodução Facebook/Chelsea Haley.

Jerome vivia uma realidade muito humilde e sua mãe encontrava dificuldades para cuidar dele e do irmão, porque tinha perdido o marido e uma filha recentemente.

Os meninos estavam sempre se mudando e passando tempos na casa da avó, o que deixava sua rotina muito bagunçada. Depois de um tempo de mais proximidade com a professora, um dia, em 2016, Jerome perguntou se poderia morar com ela.


Chelsea sentia que deveria fazer aquilo. Além do aluno, ela queria ter a guarda do seu irmão caçula Jace. No entanto, conseguir a custódia dos meninos não foi nada fácil. Entre advogados, cartões de crédito e empréstimos, a mulher acumulou uma dívida de US$ 48.683,41 (equivalentes a mais de R$ 244.800, na cotação atual). Felizmente, ela alcançou seu objetivo e hoje pode chamar os meninos de “filhos”.

Para quitar a dívida, a professora, que afirma que ser mãe dos meninos “é a maior bênção” de sua vida, precisou dar aulas particulares, fazer hora extra na escola em que trabalha, além de vender a própria casa e voltar a morar com os pais.

Direitos autorais: reprodução Facebook/Chelsea Haley.

Agora, ela está juntando dinheiro para comprar uma nova casa e preparar Jerome para a faculdade.  Apesar de toda a luta, a família vive muito bem, e os meninos estão prosperando nos estudos. Chelsea é uma pessoa de coração incrível e um grande ser humano.


A maioria das pessoas não comprometeria a própria liberdade financeira e pessoal assumindo um compromisso tão sério, mas ela não pensou duas vezes, determinada a oferecer uma vida melhor aos jovens. Desejamos muita felicidade e sucesso a essa família tão especial, e que todos permaneçam unidos por esse amor puro!

Mulher da Indonésia afirma ter ficado grávida de “rajada de vento”. Polícia investiga o caso!

Artigo Anterior

“Amo minhas filhas; detesto ser mãe.” Samara Felippo fala sobre sua experiência com a maternidade solo

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.