Refugiado sírio leva lanche à população de Brumadinho e emociona!



Uma notícia recente está emocionando e mostrando que, mesmo em meio a momentos extremamente difíceis, podemos trazer luz através de nossas atitudes.

No dia 25 de janeiro de 2019, a barragem da Brumadinho se rompeu, cobrindo a cidade com lama e matando e ferindo muitas pessoas. Uma tragédia para o nosso país e um momento de tristeza e desespero para os moradores da cidade, que não sabiam se iriam reencontrar seus parentes e amigos com vida.

Muitas pessoas perderam suas casas e tudo o que tinham, e por isso foram organizadas muitas campanhas de arrecadação de alimentos e demais produtos para que as vítimas pudessem viver até que as devidas medidas fossem tomadas.

Mais de 30 toneladas de donativos já foram arrecadas para as vítimas, entre alimentos, água, roupa, material de limpeza e ração para animais.

As pessoas realmente se solidarizaram com a causa. No entanto, a ajuda não termina por aí, muitas pessoas estão encontrando outras formas de ajudar, como uma Igreja Batista da cidade que comprou máquinas de lavar e está fazendo a limpeza das roupas dos Bombeiros que estão fazendo as buscas.

Elyan Sokkar é outra pessoa que está fazendo a diferença para os moradores de Brumadinho através de suas atitudes. Refugiado sírio, o homem vive em Belo Horizonte de 2014, onde abriu uma lanchonete com um outro refugiado, e assim que soube da tragédia, logo procurou uma maneira de ajudar.

“Nosso país está arrasado pela guerra. Eu só queria fazer alguma coisa por este país que me recebeu. Vi as imagens na televisão. É tudo muito triste. Lembrei-me de Hama, minha cidade natal. Queria abraçar o Brasil, como o Brasil me abraçou”, disse em entrevista ao G1.

Ele decidiu ajudar com aquilo que faz de melhor. Assim colocou 90 sanduíches, 30 quibes e 30 esfirras no carro e partiu de Belo Horizonte para Brumadinho.

“Eu queria fazer alguma coisa. A gente decidiu levar lanches. Comecei a dirigir e nem sabia direito para onde estava indo”, contou Sokkar.

Depois de algum tempo dirigindo, ele chegou ao Córrego do Feijão, distrito que foi atingido pela tragédia. Contou com a ajuda de voluntários que o ajudaram a distribuir os alimentos às vítimas.



Sokkar fez uma publicação no Instagram de sua empresa, com as comidas que levou para Córrego do Feijão.

Confira abaixo:

Linda atitude! A gratidão é um sentimento único, que nos motiva a sermos melhores e ajudarmos outras pessoas da maneira como fomos ajudados.

Por mais atitudes como essa!


Compartilhe essa incrível notícia em suas redes sociais!






Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.