Pessoas inspiradoras

Sem dinheiro para pagar ajudantes, desempregada de 52 anos constrói a própria casa sozinha!

Determinada a melhorar a sua casa, a mulher colocou as mãos na massa, conquistando muita admiração.



Reformar a casa é o sonho de muitas pessoas. Seja ampliar o seu tamanho, fazer pinturas ou renovar os móveis, muitos brasileiros se empenham em guardar dinheiro para sentir-se cada vez mais felizes e realizados dentro de seus lares.

Elen Cristina Gonçalves, uma mulher de 52 anos, de Sapucaia do Sul (RS), também tinha esse sonho. Sua casa, de apenas uma peça de 12 metros quadrados, não estava mais atendendo às suas expectativas, e ela queria muito aumentá-la.

Segundo contado pela GZH, com o começo da pandemia, ela perdeu o emprego de vigilante, o que lhe criou alguns empecilhos financeiros, mas nem isso a impediu de colocar o seu sonho em prática. Como não tinha dinheiro para pagar profissionais para a obra, ela decidiu colocar a mão na massa e fazer as mudanças no imóvel sozinha.


Direitos autorais: reprodução/GZH.

Elen usava o dinheiro do auxílio para comprar os materiais necessários para reforma. Sua “casa dos sonhos” casa terá dois andares, no térreo ficarão a sala e a cozinha, e no andar superior, o quarto com banheiro. Ela também deverá ter um “anexo” para receber os filhos.

Ela compra as coisas aos poucos, pois não tem muito dinheiro disponível, e conta com a ajuda das redes sociais para encontrar os locais onde os itens são mais baratos. Apesar de não ser uma profissional da construção, a mulher acumula algum conhecimento, pois há 30 anos trabalhou para uma pequena empreiteira.

Os vizinhos que acompanham a evolução da construção de Elen ficam impressionados com o seu trabalho e anotam as dicas que ela tem para compartilhar. Joseane Shaiane Silva da Silva, filha de Elen, que vive no mesmo terreno que a mãe, em uma casa de madeira, define-a como uma “guerreira”. Segundo ela, a mãe parece “criança com um brinquedo novo” com a ampliação da casa.


Elen, que é sem dúvidas uma mulher inspiradora, está acostumada aos desafios da vida, e disse que tudo o que conquistou foi pela própria força de vontade. E não pretende parar por aí. Além da nova casa, ela tem outra meta para alcançar: a conclusão do ensino médio, para conseguir passar em um concurso e conquistar estabilidade.

Direitos autorais: reprodução/GZH.

Direitos autorais: reprodução/GZH.

Sua história viralizou nas redes sociais, e ela conseguiu o valor de R$ 32 mil para auxiliar na construção. A gaúcha é uma prova de que a força e a determinação das mulheres podem se encaixar nas mais diversas áreas de atuação. Torcemos para que a sua casinha fique do jeito que ela espera!


Mesmo em extrema pobreza, mãe de 4 crianças cuida de recém-nascido abandonado

Artigo Anterior

Homem é preso ao levar ‘namorada’ de 12 anos para dar à luz em hospital

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.