Essa história de uma criança e seu cachorro vai lembrá-lo de que todos que passam por nossas vidas são nossos mestres

Nem todos os encontros em nossas vidas são predestinados por nós. Muitas vezes, conhecemos pessoas muito diferentes de nós, que se não fosse pelo destino, não fariam parte de nossa jornada. No entanto, tudo acontece por um motivo. Essas pessoas que percebemos como diferentes e muitas vezes até não gostamos, podem ser nossos professores, que têm a missão de nos ensinar lições que devemos aprender para evoluir e conquistar as vidas que desejamos criar para nós mesmos.

Os nossos professores são preparados para nós especialmente pelo universo, e entram em nossas vidas no momento exato em que precisamos aprender as lições que têm para nos ensinar. Nem sempre o exemplo dessas pessoas é positivo, mas sempre traz um aprendizado fundamental para nós. Por exemplo, nosso professor pode tomar uma atitude muito errada com nós mesmos ou alguém em nossas vidas, mas apesar de sofrermos as consequências, aprenderemos que não devemos agir da mesma maneira.

Nossos professores nem sempre são pessoas. Podem também ser animais e seres com os quais temos contato em nossa vida diária.

Através de suas atitudes, eles nos mostram como podemos nos tornar pessoas mais sábias e preparadas para conquistar tudo o que o universo tem reservado para nós.

A pequena história que trazemos abaixo fala um pouco melhor sobre isso. Mostra que devemos entender como todos que passam por nossas vidas, pessoas ou animais, podem ser nossos mestres, e que não devemos subestimar os aprendizados que a vida traz para nós através de outros seres.

Leia com atenção.

“Sou veterinário e fui chamado para examinar um Lébrel irlandês de 10 anos chamado Belker. Examinei-o e descobri que ele estava morrendo de câncer. Quando ele partiu, a família o cercou, e no meio deles havia um menino de 6 anos de idade. Ele parecia calmo e acariciou o cachorro pela última vez.

Então, todos nós nos sentamos, imaginando porque a vida dos animais de estimação é mais curta que a dos humanos. Então, o menino de 6 anos, que estava ouvindo atentamente, disse:

– Eu sei porque. As pessoas vêm ao mundo para aprender a viver uma boa vida, a amar os outros e a ser boas pessoas, certo? – E continuou – “Bem, já que os cães já nascem sabendo fazer tudo isso, eles não precisam ficar aqui tanto tempo quanto nós.”

As palavras do menino são realmente muito sábias e verdadeiras. Os animais são puros, e nos ensinam o verdadeiro significado de amor, amizade e lealdade. Eles nos transformam de dentro para fora e nos ajudam a tornar-nos melhores a cada dia.

Se você tem ou já teve um animal de estimação, provavelmente aprendeu algumas coisas com ele:

  • amar e aproveitar o tempo com as pessoas que ama;
  • valorizar uma caminhada ao ar livre;
  • descansar quando tiver tempo;
  • manter viva a curiosidade e o desejo de conhecer novos lugares;
  • permitir que outras pessoas demonstrem seus sentimentos por você;
  • definir limites para garantir a qualidade de vida;
  • ser leal, sempre;
  • ser verdadeiro consigo mesmo;
  • cuidar das pessoas que você ama, quando elas estiverem tristes, mesmo que tudo o que você puder fazer seja estar por perto.

Você aprendeu alguma lição importante com seus professores que mantêm em sua mente até hoje? Qual é ela? Comente abaixo e compartilhe essa história com mais pessoas!


Direitos autorais da imagem de capa: soloway / 123RF Imagens




Deixe seu comentário