Reflexão

“Só a gratidão nos permite ficar em paz com o que nos aconteceu” (padre Fábio de Melo)

So a gratidao nos permite ficar em paz com o que nos aconteceu Padre Fabio de Melo

Exercitar a gratidão é findar qualquer tipo de sofrimento que ainda paira em nossas vidas.



A gratidão é tão poderosa, que faz com que nossos pensamentos se reorganizem, alinhando nosso corpo, alma e coração. Existem acontecimentos que não cabem dentro de nós, e ficam soltos, pesando e puxando para baixo.

Quando um ser humano é movido pelo sentimento de gratidão, é uma forma genuína de perdoar a si e ao outro. Principalmente em situações em que há fracasso, sempre é visto como algo vergonhoso. Mas podemos ser gratos até pelo que de ruim nos atingiu.

Nem sempre conseguimos fazer as coisas da melhor forma ou dar o melhor de nós mesmos. Isso começa a não caber dentro do coração e vamos levando uma amargura que não faz sentido. A amargura que sentimos hoje não vai corrigir os erros do passado.


Por isso, o padre Fábio de Melo nos agracia com sua sabedoria, nos mostrando que a gratidão é boa em qualquer momento da vida. A culpa e o arrependimento são coisas diferentes. A incapacidade de guardar dentro de nós o que vivenciamos e não foi bom gera culpa. Nós nos sentimos culpados por não dar conta, por fracassar, por não ter sido fortes o suficiente.

Arrependimento é quando você olha para si e reconhece que aquilo não foi sua melhor atitude, mas que aprendeu e não fará novamente. O arrepender-se nos gera novas oportunidades. A partir dele, é possível corrigir o presente.

A culpa nos faz voltar para o passado, e lá não conseguimos modificar absolutamente nada. No momento em que somos gratos, chegamos à conclusão de que o que aconteceu estava mesmo para acontecer. Mesmo que não consigamos entender, aquilo foi predestinado.

À medida que vamos nos reconciliando com o passado, vamos fazendo as pazes com a nossa nova versão. A água do perdão precisa ser derramada para lavar todos os traumas e inquietudes.


Quando mais gratos ficamos, mais leves nos tornamos. Entender que a gratidão não é apenas aceitar o que aconteceu sem aprender, ela é mais profunda do que isso. É olhar para si com carinho. É não deixar que aquilo aconteça novamente.

Precisamos ser gratos às situações que vivemos, porque são as responsáveis por chegarmos até aqui. E se o aqui não for satisfatório, seja grato por poder continuar sua jornada rumo à felicidade plena.

Que nunca nos esqueçamos do verdadeiro valor: Deus nos presenteou com uma vida cheia de oportunidades. Sejamos gratos a Ele!

O que achou desta reflexão do padre Fábio?


Comente abaixo e compartilhe-a em suas redes sociais!

Homem sofre há 35 anos com diagnóstico de câncer terminal. Descobriu agora que a doença nunca existiu!

Artigo Anterior

“Trabalhador, gentil e atento ao mundo”: Edson Celulari homenageia filho com linda declaração

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.