Reflexão

“Tudo aquilo que sou, ou pretendo ser, devo a um anjo: minha mãe!”

Quando penso no que me tornei, vejo que grande parte do que sou tem influência de minha mãe, sem ela eu seria menos feliz e nunca chegaria até aqui.



A maternidade arrebata as mulheres, desperta um sentimento profundo de proteção e cuidado que elas só vão sentir quando se virem responsáveis por outro ser.

Impossível explicar a quantidade de sacrifícios que uma mãe faz ao longo da vida, só para ver um filho feliz. É como uma leoa, protegendo suas crias do duvidoso, do perigo e das más influências.

Todo caminho que percorremos, por mais tortuoso que pareça, é amenizado pelo esforço de nossas mães. Elas agem ocultamente, muitas vezes, nem sabemos que ali há dedo delas, mas fazem de tudo para tornar o trajeto menos doloroso para seus filhos. Toda responsabilidade e compromisso que aprendi a ter em minha vida foi porque minha mãe me ensinou a diferenciar o certo do errado.


Foram muitas noites em claro, cuidando das doenças, preocupando-se, quando eu não voltava, imaginando como seria o meu futuro. Se cheguei até aqui, foi porque muito sacrifício minha querida mãe teve de fazer.

Ela abriu mão de seus sonhos, das festas com as amigas e do silêncio de uma casa sem crianças para ver os filhos crescerem saudáveis.

Com ela, eu aprendi o que é o amor, aprendi a cuidar do próximo com a mesma intensidade e compaixão como ela cuidou de mim. Ela me ensinou a ver, no fundo dos olhos do outro, a bondade, a me despir de toda inveja e preconceito, e me atirar no mundo livre de sentimentos ruins.

Se hoje eu sou uma pessoa boa, a responsável é minha mãe, que me mostrou, através dos seus exemplos, como agir.


Aprendi a zelar, a ser paciente e me interessar pelos outros vendo que ela fazia o mesmo comigo. Mesmo sem entender dos meus hobbies, ela se esforçava para me ver feliz, sempre demonstrou empatia e carisma, qualidades dignas de um anjo que desceu à Terra. Quando paro para pensar em minha mãe, tenho a certeza de que Deus me enviou a melhor pessoa que poderia só para cuidar de mim.

Espero um dia chegar próximo do que é minha mãe e representar para alguém a mesma coisa que ela representa para mim. Não existe amor mais puro e protetor do que o de uma mãe, que move montanhas pelo bem-estar de seus filhos.

Mãe, eu lhe agradeço por tudo o que me fez até aqui e espero um dia conseguir retribuir pelo menos uma parte de tudo o que recebi.

Sou uma pessoa abençoada apenas por ter você perto de mim e sei que sua maior felicidade não é que eu lhe retribua tudo o que me fez, mas me ver feliz, alçando os voos que escolhi.


Compartilhe essa reflexão nas suas redes sociais e com sua mãe!

 

Direitos autorais da imagem de capa: Depositphotos.


“Muita pele”: mulher denuncia professora que a mandou sair de academia por usar roupa curta

Artigo Anterior

Estou numa fase da vida em que a paz se tornou mais valiosa do que qualquer riqueza!

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.