Às vezes, o coração se apega à pessoa errada. Não se iluda, busque alguém melhor!

4min. de leitura

Quando estamos em um relacionamento abusivo, devemos ouvir mais a razão e menos o coração. Não se sacrifique para tentar manter ao seu lado alguém que não respeita você.  



Às vezes, o nosso coração se apega à pessoa errada e ficamos tão cegos pela paixão que nem sequer conseguimos notar alguns comportamentos tóxicos do parceiro que, aos poucos, vão abalando o nosso bem-estar e reprimindo as nossas vontades.

Não nos damos conta dessa situação pelos mais variados motivos: carência, imaturidade, medo de não encontrar alguém melhor e diante de tanta insegurança, então acabamos nos submetendo a uma relação em que nunca estamos 100% felizes.

Até inventamos desculpas para não ter de admitir que estamos presos a um relacionamento que suga as nossas energias. Tentamos focar apenas nos momentos bons e ignorar todos aqueles em que tivemos nossos desejos negligenciados pelo parceiro.


Chegamos a nos culpar pelos momentos em que fomos maltratados só para justificar o desrespeito e a falta de paciência de quem deveria nos amar. Passamos a achar normal ser deixados em segundo plano.

Entenda, o coração também se engana, e quando você se der conta disso, deve admitir que as coisas mudaram e agora você merece alguém muito melhor.

É doloroso admitir que uma pessoa de quem você se considerava íntima se transformou em alguém de quem você já não se orgulha mais. Talvez você tenha mudado e percebido que essa pessoa não cabe mais na sua vida e no seu coração.

Você amadureceu e se transformou em alguém forte e seguro, enquanto o parceiro permaneceu igual, com o mesmo jeito imaturo e inseguro de ser.


Você pode até encontrar soluções alternativas para prolongar esse relacionamento, mas a verdade é que o inevitável vai chegar, mais cedo ou mais tarde.

Nunca é fácil se despedir de alguém que já foi tão importante para nós, mas devemos fazer isso em nome do autocuidado e do amor-próprio.

Você merece mais respeito, mais carinho e mais amor do que o que você, teoricamente, está recebendo agora.

Às vezes, é preciso se afastar das pessoas que amamos em nome da nossa saúde mental, do nosso crescimento pessoal. O mundo está repleto de pessoas dispostas a reconhecer e retribuir o amor de um coração puro e carinhoso.

Não tenha medo de se libertar das amarras de um amor doentio e seguir em frente. O amor não pode ser sinônimo de repressão, abuso ou desconfiança. O coração também se engana, é normal mas, diante de qualquer frustração, cabe a você se curar e buscar alguém que seja melhor para a sua vida.

 

Texto escrito com exclusividade para o site O Amor. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.