Como identificar um predador emocional

4min. de leitura

Assim como os animais, os predadores humanos vão atrás das pessoas mais apetitosas. Seus objetivos são as pessoas que têm características invejáveis: bondade, carisma ou força de vontade. Pessoas felizes que tiveram a infelicidade de cruzar o seu caminho.



Normalmente conseguem abrigo nessas pessoas, se inclinam para uma boa posição não para se abrigarem, mas para alimentar-se da pessoa até que ela morra e perca a sua essência. Quando você deixa de ser bonito, eles procuram por outro, sem dor ou sofrimento pela beleza que estragaram. No entanto, a culpa não pode ser completamente estranha para eles e isto é talvez o mais perigoso porque, ocasionalmente, têm um gesto sincero de bondade tentando reparar a miséria que semearam. No entanto, isso só serve para dificultar ainda mais sua identificação.

Este abuso emocional se dá especialmente em ambientes próximos: família, relacionamentos afetivos, amizades, etc. São as pessoas que melhor conhecem o predador e, portanto, mais fáceis de manusear: aproveitam a confiança inerente aos laços que unem essas pessoas para sugarem todo o fôlego emocional.

Para atingirem sua finalidade precisam de duas condições: proximidade e tempo. Proximidade para estabelecer laços consistentes o suficiente para serem capazes de fazer força e orientarem o outro na direção que lhes interessa e tempo para que a empatia da outra pessoa aja em seu nome.


Há vampiros de todas as idades e de todos os sexos. Predadores são pessoas normais, não são líderes e evitam chamar atenção em contextos sociais que não controlam. Em contrapartida, nos ambientes controlados eles usam todo o seu poder e astúcia para satisfazerem sua necessidade de ação manipuladora.

Existem os perigosos e os muito perigosos, quanto mais próximos e mascarados, mais aumenta seu dano em nós. Se sentem profundamente inferiores, utilizando um mecanismo compensatório que normalmente é baseado na linguagem da soberba e arrogância.

Controlam, humilham e destroem a vítima sutilmente, muitas vezes sem que ninguém perceba. Sempre são capazes de criar uma versão dos eventos na qual aparecem como bons ou vítimas e nunca causadores do mau.


Em uma disputa, só cedem quando entendem que desta concessão serão capazes de obter um lucro maior.

Além disso, nunca provocam um confronto direto e quando algo os está incomodando falam para a pessoa e na ocasião apropriada, geralmente para conseguirem alguma coisa ou para que a outra pessoa perdoe um erro ainda maior.

Essas pessoas muitas vezes estão tão acostumadas com o seu comportamento que não o percebem, e implementam tantas estratégias que praticamente já estão automatizadas. Além disso, essas pessoas nunca são felizes e arrastam o seu próprio sofrimento, são muito racionais e muito raramente sentem algo de verdade.

Atente para estes grandes atores, porque ao contrário do teatro ou cinema, são capazes de causar feridas profundas. Sua capacidade de identificá-los dependerá de que não peguem a você e nem as pessoas que ama.

 

___

Traduzido pela equipe de O Segredo

Fonte: La Mente es Maravillosa

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.