Relacionamentos

“Homens devem pagar a conta; se dividir, você não vale para ele”, afirma especialista em relacionamentos

A mulher alega que, no primeiro encontro, os homens nunca devem dividir a conta, pois isso é atitude de gente mesquinha. Confira!



Os encontros amorosos acontecem a todo momento. Mesmo que já conheça a pessoa pela internet ou mantenha contato por telefone, ao planejar se verem pela primeira vez, causa nervosismo, afinal de contas, o encontro precisa ser bom o suficiente para as duas pessoas se interessarem e assim se iniciar uma relação.

Quando alguém propõe um primeiro encontro, seja o homem ou a mulher, já é bem claro que a intenção não é apenas amizade. Desde a escolha do local até a roupa que vai vestir causam ansiedade e empolgação.

Uma especialista em relacionamento usou suas redes sociais para promover uma polêmica. De acordo com informações do The Sun, ela afirmou com todas as letras que os homens, no primeiro encontro, jamais devem pedir para dividir a conta. Eles nunca devem fazer isso.


Segundo Nelly, se um homem não está disposto a pagar a conta integralmente, no primeiro encontro, não lhe dá o devido valor, pois se convida uma garota para sair e quer dividir, mostra o quanto é mesquinho.

Direitos autorais: reprodução Instagram/@ask.nelly.

Ela vai além, diz que homens assim não foram criados da maneira correta, pois isso não é cavalheirismo. Se ele precisa de dinheiro para sair com uma mulher, tem de se planejar, levando-a em locais mais discretos. O interesse romântico vem do esforço que fazem, segundo a especialista.

Se o pretendente não faz o mínimo, não há como esperar que a relação evolua daquele ponto em diante. Nelly insiste em dizer que não há mal nenhum em uma mulher ser paparicada, pois isso mostra o quanto o pretendente a valoriza. Ela continua dizendo que, se o problema for dinheiro, em vez de um jantar, que a leve para um piquenique no parque.


Direitos autorais: reprodução Instagram/@ask.nelly.

A especialista diz que até mesmo as mulheres mais independentes se importam quando dividem a conta no primeiro encontro, e que, se na primeira investida, a mulher está dividindo a conta, o homem a vê como uma irmã.

O vídeo com a fala de Nelly causou um grande debate, pois ela declara abertamente que as mulheres julgam sim os homens que não pagam a conta. Diante disso, uma chuva de comentários inundou a publicação.

Direitos autorais: reprodução Instagram/@ask.nelly.


Foram homens, em sua maioria, que contestaram as afirmações de Nelly, escrevendo que não são garimpeiros ou bancos para sair com uma mulher. Se não há flexibilidade nisso, a relação será unilateral, escreveu um seguidor.

Outros disseram que a atitude de pagar está correta, pois quem convidou que banque. Algumas mulheres também intervieram nos comentários, dizendo que preferem pagar por elas mesmas, já que são independentes, assim não há expectativas, cada um pagando o seu não dá nenhum tipo de impressão errada.

Já outros mantiveram a opinião de Nelly, afirmando que é uma tradição para a conquista, não tem a ver com dinheiro. É uma questão de educação, como se fosse abrir a porta do carro ou segurar as bolsas.

O vídeo dividiu a internet entre aqueles que afirmam com convicção que dividir a conta é algo absolutamente normal, e outros dizendo que, se o homem não se esforça no primeiro encontro, não o fará pela relação inteira.


Marido abandona esposa grávida de 6 meses. Com filhos gêmeos, ela relata sua jornada de superação

Artigo Anterior

“Parem de me dizer que tenho um rosto bonito para uma garota gorda”

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.