Para deixar ir um relacionamento, você precisa passar por esses 5 estágios:

7min. de leitura

Deixar ir nos faz mais fortes!

Romper com alguém que você ama muito é sempre difícil.



Quantas noites sem dormir você passou desde o dia em que disse adeus? Quantos dias dolorosos você passou desde o dia em que se separaram? Há quanto tempo você está preso no passado, incapaz de seguir em frente?

Você quer esquecer. Você quer perdoar. Mas, simplesmente, não consegue.

Você pensou que tinha esquecido as melhores lembranças do passado, mas sempre que você passa pelo lugar onde vocês se conheceram pela primeira vez, os bons velhos tempos surgem em sua mente novamente e você simplesmente não pode evitar as lágrimas.


Você pensou que tivesse perdoado essa pessoa por tudo o que ela lhe fez. Mas sempre que você vê o seu rosto aparecendo em seu feed de notícias do Facebook, você percebe que seu coração enche de uma sensação complicada de melancolia e raiva.

Deixar ir nunca é fácil. Mas aqui está o que podemos fazer com o sofrimento e perda:

Os 5 estágios do sofrimento e perda

Elisabeth Kübler-Ross, psiquiatra suíça, introduziu os cinco estágios do sofrimento em seu livro On Death and Dying (Acolher a Morte, no Brasil), em 1969. O modelo foi inspirado inicialmente em seu trabalho com pacientes terminais. Mas agora é também amplamente adotado para explicar o comportamento de pessoas que vivenciam tristeza e perda. Afinal, enfrentar a morte  e a morte  de uma relação tem muitas coisas em comum.


Abaixo estão os 5 estágios explicados:

1.Negação: Isso NÃO PODE estar acontecendo

A primeira reação à perda de um relacionamento é negar a realidade da situação. Este é um mecanismo de defesa para nos  impedir de lidar com sentimentos dolorosos. Você tenta fingir que está tudo bem, mas no fundo do seu coração, você sabe que não é real.


Quando você tiver a sensação de que está negando a perda de alguém querido, deve se concentrar em aceitar a verdade brutal:

  • Lembre-se, todos os dias, de que as coisas mudaram
  • Pare de enviar mensagens ou fazer ligações, como costumava fazer
  • Permita-se chorar sempre que sentir dor
  • Fique com alguém que possa ajudá-lo a reconhecer a verdade
  • Mantenha um diário para escrever como você se sente todos os dias

2.Raiva: Como ele/ela pôde fazer isso comigo?

À medida que o tempo passa, a realidade se torna menos obscura e você gradualmente sentirá a dor do desgosto. A dor às vezes é redirecionada e expressada como raiva. Você precisa de alguém para ser culpado por causar dor: o seu ex, as pessoas ao seu redor, o universo ou você mesmo. Racionalmente, você sabe que essa pessoa ou coisa pode não ser a única culpada, mas simplesmente não pode controlar suas emoções.

O que você precisa é perdoar:

  • Saiba que ambos compartilham a responsabilidade pela separação
  • Perdoe-se por qualquer erro, pois ninguém é perfeito
  • Perceba que você não é o único que sofre a dor
  • Admita que você não está em seu melhor, agora
  • Distraia-se através do exercício

3.Negociação: Não podemos apenas dar mais uma chance?

Quando você percebe que a realidade está te empurrando para a borda de um precipício, entra em pânico e se esforça para sobreviver. Faria tudo e qualquer coisa para reverter a situação. Você procura maneiras possíveis de ganhar a pessoa de volta, talvez por meio de negociação ou ameaça. Você simplesmente não quer sentir a dor.

Mas na maioria das vezes, as coisas não acontecem como você deseja. Você precisa deixar ir:

  • Evite o contato direto temporariamente
  • Fique longe de mídias sociais onde você pode encontrar alguma coisa sobre a pessoa
  • Tranquilize-se de que vocês dois não voltarão a ficar juntos
  • Não fique tentando ganhar a pessoa a todo momento
  • Perceba que você é independente o suficiente para ser solteiro

4.Depressão: Está tudo acabado

Quando você finalmente percebe que não pode fazer nada para mudar o que está experimentando, fica realmente deprimido: sente-se cansado o tempo todo, não quer fazer nada, evita amigos e familiares, perde o apetite ou come demais, sofre de insônia ou dorme demais. A desesperança dificulta seguir em frente.

Ninguém disse que seria fácil, mas você deve recuperar sua saúde mental e física antes que seja tarde demais:

  • Cerque-se de pessoas positivas
  • Faça uma pausa no trabalho
  • Fale com alguém que esteja disposto a ouvir
  • Vá para o campo e respire um pouco de ar fresco

5.Aceitação: Ok, eu estou tentando

Agora, você está quase lá. Quando você começa a aceitar o que acontece com você, gradualmente você se torna capaz de fazer as pazes com a perda. Isso não garante felicidade, pois você ainda está em um dos estágios da dor, mas será menos emocional e começará a encontrar luz ao longo da estrada. E a luz acabará por guiá-lo para casa.

Coisas que evocam lembranças ainda podem acionar suas emoções, mas você pode evitar absorver isso novamente:

  • Coloque as fotos antigas em um lugar que você não alcance facilmente
  • Mantenha-se afastado dos lugares que provocam as suas emoções
  • Concentre-se nos benefícios de deixar ir
  • Apenas reconecte-se com a pessoa quando você estiver pronto para ser amigo dela
  • Acredite que tudo vai ficar bem, que é apenas uma questão de tempo

Deixar ir nos faz mais fortes

Nós sempre desejamos um relacionamento duradouro. Queremos alguém que fique conosco, não importa o que aconteça na vida. Nós queremos segurar. Mas, às vezes, o que nos faz fortes é deixar ir.

Quando você olhar para trás no futuro, ficará surpreso com o quanto cresceu!

____

Traduzido pela equipe de O Segredo – Fonte: Life Hack

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.