Pesquisadores confirmam ligação entre doença de alzheimer e óleo de coco!

3min. de leitura

Doença de Alzheimer: o que se havia uma cura?



Esse é o título de um livro da Dra. Mary Newport (Alzheimer’s Disease: What If There Was A Cure?). Nesse livro, ela compartilha sua crença de que o óleo de coco pode ser um tratamento eficaz para a doença de Alzheimer. Mas isto não é apenas especulação de sua parte; ela viu o trabalho em seu marido, cujos sintomas de Alzheimer foram grandemente reduzidos pelo simples ato de consumir óleo de coco diariamente.

Claro que, por mais informativo que o livro da Dra. Newport tenha sido, as comunidades médicas e científicas não compartilhavam cem por cento de suas crenças. Afinal, não há estudos revisados sobre o tema.

Até recentemente.


A evidência do óleo de coco como tratamento contra o Alzheimer

pesquisadores confirmam

No final de 2015, um estudo confirmando o óleo de coco como um tratamento potencial de Alzheimer foi publicado na revista espanhola Nutricón Hospitalaria. Durante o período do estudo, os pesquisadores acompanharam um grupo de pacientes com Alzheimer, metade deles ingeriu 40 ml de óleo de coco extra virgem (cerca de 3 colheres de sopa) por dia.

Os pesquisadores observaram um “aumento estatisticamente significativo” na capacidade cognitiva entre as mulheres, doentes sem diabetes e aqueles com demência grave.


Essa notícia é muito boa, já que a doença afeta milhões de pessoas em todo o mundo.

Como o óleo de coco trata a doença de Alzheimer?

pesquisadores confirmam2

De acordo com a teoria da Dra. Newport, tudo tem a ver com cetonas. O corpo humano produz cetonas ao quebrar a gordura em alimentos, como o óleo de coco.

As cetonas então viajam para o cérebro, onde podem ser convertidas em energia muito mais eficientemente do que a glicose, combustível típico do corpo. Isto é importante, porque a doença de Alzheimer ocorre precisamente quando o cérebro é incapaz de produzir a energia necessária para estimular o crescimento de novas células e reparar os danos.

Atualmente, uma dieta rica em alimentos ricos em gordura (gordura natural), como o óleo de coco, é o método conhecido de colocar a energia do cérebro novamente um nível saudável. O corpo também pode criar cetonas por meio do jejum, mas isso é impraticável para tratamento a longo prazo.

___

Traduzido pela equipe de O SegredoFonte: David Wolfe

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.