Quantas vezes você quis parar o tempo?

3min. de leitura

Está tão bom aqui e tão bom assim!  Se você pudesse mencionar alguns momentos em que gostaria de viver aquele instante um pouco mais, você o faria?



Segundo uma teoria desenvolvida por pesquisadores o tempo está gradualmente desacelerando e, algum dia, irá simplesmente parar. Isto é por conta dele mesmo e não por poderes humanos. Então, vamos seguir para trás.

Mas nós não queremos parar tudo. Só queríamos pausar. E depois apertar o play para respeitar o fluxo da vida. Quantas manhãs o calor das cobertas foi a melhor coisa que aconteceu? E o cheirinho do pão saindo do forno? E um pôr do sol nunca visto?

As risadas desconcertantes com amigos. O presente surpresa. Os abraços longos e protetores. Os encontros inesperados. Olhares trocados. Os convites inusitados. O filme emocionante.


QUANTAS VEZES VOCÊ QUIS PARAR NO TEMPO - FOTO 01

Outras vezes, parar no tempo significa ter evitado um confronto, ter mudado o rumo da conversa, ter seguido por outro caminho ou não ter se precipitado. Ter deixado ir ou pedido para ficar. Parar o tempo e então não se precipitar ou ter agido depressa e virado o jogo. Um empate, quem sabe. Ah se a gente pudesse.

Quantas noites fomos dormir pensando em algo tão bom que aconteceu que o sono se tornou inimigo. E só tivemos vontade de ficar lembrando e refazendo a história na mente. Repetindo e revivendo.


A sensação que ainda temos de tantos instantes, nos remete a uma saudade tão boa que se tivéssemos um botãozinho ou um aplicativo, sem dúvidas, seriam os mais usados. Só prolongar um pouquinho, sem o tempo nos cobrar nada.

Imagina, de um momento muito especial você conseguir mais alguns minutos, ou horas? Claro que não seria sempre. Mas seria bom. É devaneio. E até os devaneios poderiam durar mais. Porém, são coisas tão únicas que a gente reviveria ou, simplesmente, evitaria.

QUANTAS VEZES VOCÊ QUIS PARAR NO TEMPO - FOTO DE 02

Falando em cheirinho de pão saído do forno, lembrei do cheiro de terra molhada, de gente que a gente sente saudades. Eu lembrei de viagens, de beijos, de carinho, de conversas e encontros rápidos, de sossego, de música cantada ao pé do ouvido. Uma pausa, por favor.

Esta vontade de poder algumas vezes parar o tempo acontece porque sempre nos parece que tudo o que é bom é transitório ou se vai muito rápido. Se é assim, quantas vezes já desejamos que o mesmo tempo voasse?

Enquanto ele não para e nem voa ao nosso comando, pelo menos nos permite reexperimentar algumas coisas como beijos, as risadas e o calor das cobertas.

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.