CuriosidadesDesenvolvimento InteriorVida

Sobre o mistério de ver corações por todos os lados

Faz alguns anos que comecei a ver corações nos meus dias. De repente, várias coisas começaram a aparecer no formato desse símbolo milenar: asas de um inseto, uma poça de água no box, uma folha que capta meu olhar no meio de uma trilha com infinitas folhas ou um pouco de creme que cai na minha mão acidentalmente neste formato.  Pode ser comum ver alguma coisa na forma de coração uma vez ou de vez em quando.



Mas quando essa experiência começa a se repetir, é algo que não dá para ignorar.

Eu não lembro exatamente a primeira vez que vi um. Mas é algo que vem acontecendo há alguns anos e em alguns dias são mais frequentes. Eu não faço nada para vê-los, não forço para ver um coração em alguma coisa e também não fico procurando por  um, eles simplesmente aparecem! Pelo contrário, se eu procurar por eles, não vejo nenhum. Geralmente estou distraída e quando eu olho “boom!”, lá está a comida no meu prato, o elástico que tirei do cabelo ou uma mancha suja na minha roupa na forma de coração.

Eu não pensava sobre o significado disso. Desde que essa experiencia começou, quando eu notava “Coração!”, instantaneamente me sentia plena, como se fosse um sinal de que tudo estava bem no meu mundo. Passei a ver com tanta frequencia que comecei a achar que tivesse algum sinal ou mensagem para mim porque eles começaram depois de eu ter passado por uma certa revolução pessoal (quando comecei a meditar e mudei alguns hábitos, como alimentação).


Nunca soube o que era e nunca tinha parado para pensar ou pesquisar até porque achava que era o tipo de coisa que o Google não consegue ter resposta. Sei que é algo de uma grandiosidade que vai além dos limites da informática.

Mas outro dia, depois de vivenciar essa experiencia por muito tempo, decidi procurar algo a respeito.
Se eu descobri o que significa? Sinceramente, eu não sei. O que sei é que é muito significativo para mim quando vejo um. Sei que é uma coisa boa que sempre me faz sorrir quando surge, me traz uma sensação de paz e também me lembra que estou no rumo certo.

Mas fiquei muito surpresa e feliz por saber que tem pessoas pelo mundo todo que também estão vendo corações repetidamente em coisas simples do seu dia-a-dia. E tambem sabem – pelo modo como eles aparecem e pelo momento em que surgem – que não é algo aleatório ou sem sentido. Eu nunca tinha ouvido nada parecido, então foi maravilhoso ver que eu não era única que estava passando por isso.


Casey Campbell reconheceu que ela era abençoada pela habilidade de ver corações em todos os lugares e começou a fotografar os que ela achava. Tinha tantos que ela até publicou um livro: I See Hearts Everywhere (Eu vejo corações em todos os lugares). É um bom nome porque eles estão literalmente em todos lugares: na comida, no céu, em animais, na água, no chão, num reflexo, numa mancha e por aí vai.

E também há um site e páginas em redes sociais que recebem as fotos de corações tiradas por essas pessoas.
Se você está lendo este artigo na esperança de ter uma resposta objetiva, posso te adiantar que de todas as pessoas que ouvi, ninguém sabe ao certo. A maioria acredita ser um sinal de Deus, do Universo, da Vida (ou nome que você quiser dar), um sinal de algo maior que nós com o qual estamos conectados e fazemos parte.

Essas aparições de coisas em formas de coração podem significar coisas diferentes para pessoas diferentes. Tem gente que acha que é alguém querido que não está mais entre nós lhe enviando amor. Ou que é uma comunicação dos seus guias e protetores com você certificando-se de que tudo está bem, acontecendo da maneira e no tempo que deve acontecer. Também foi interpretado como uma mensagem da vida para você lembrar que há apenas amor: o amor por você, pelo o que você está vivendo, pelas pessoas a sua volta, pelos animais e pelo lugar onde você vive.


Tem gente que notou que geralmente eles surgem quando pensam sobre algo triste ou quando tem saudades de alguém que perderam.

Parece que a mensagem depende do que está acontecendo na sua vida no momento em que você os vê. Às vezes parece mesmo como se o céu realmente os tivesse enviado. Pode ser interessante você anotar o que estava pensando ou sentindo quando um coração apareceu para você.

Em uma forma geral, é visto como um sinal de uma nova consciência ou um despertar espiritual. Há uma expressão em inglês que traduziria bem isso que é “what we see, we already are”: o que nós vemos, nós já somos.

Como você notou, não há uma resposta clara, justamente por ser o tipo de assunto que tem muito mais mistério envolvido do que a nossa vã filosofia possa entender. Muitas pessoas tem vivenciado essas experiencias em muitas partes do mundo como sendo algo significativo e elas sabem de uma coisa: é uma mensagem positiva e talvez não seja mesmo necessário colocar em palavras. Sabemos que é uma mensagem de amor e isso basta.


Mas em portugues não achei material ou relatos e gostaria muito de ouvir de pessoas mais próximas que estejam passando por vivências parecidas. Se você se identificou com essas situações, não deixe de comentar e compartilhar sua experiência com a gente.

Namastê!

Quando esta cientista analisou lágrimas sob um microscópio, descobriu um fato surpreendente!

Artigo Anterior

Os homens gostam de viver os relacionamentos, e odeiam falar sobre eles!

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.